União dos Municípios do Pontal do Paranapanema

UNIPONTAL REIVINDICA MANUTENÇÃO DA DELEGACIA DA RECEITA FEDERAL EM PRUDENTE

A União dos Municípios do Pontal do Paranapanema (UNIPONTAL) manifesta apoio para a manutenção da Delegacia da Receita Federal em Presidente Prudente. A manifestação é do presidente da entidade, o prefeito Jorge Duran Gonçalez, que conseguiu agenda com a superintendência da Receita para discutir o assunto.

A pedido da UNIPONTAL, a reunião foi agendada pelo senador Major Olímpio e será realizada nesta segunda-feira (2), em São Paulo. O prefeito de Presidente Prudente, Nelson Bugalho, e o deputado estadual Ed Thomas foram convidados pelo senador a participarem da reunião que terá a presença do senador.

Na ocasião as lideranças regionais pedirão informações oficiais sobre a notícia de que Prudente poderia ficar sem a Receita Federal e reivindicarão a manutenção do órgão na cidade. O senador Major Olímpio disse que já conversou pessoalmente com o secretário nacional da Receita, Marcos Cintra, em Brasília.

“Assim que nos chegou a informação sobre possível remanejamento da Delegacia da Receita Federal de Presidente Prudente liguei para o senador Major Olímpio, que, imediatamente, se reuniu com o Marcos Cintra (Secretário da Receita Federal) e agendou uma reunião em São Paulo com o superintendente”, explicou Duran.

O presidente da UNIPONTAL disse que ouviu uma posição positiva do senador. “O Major Olímpio foi objetivo com o Marcos Cintra e recebeu resposta muito boa. Agora vamos, em grupo unido, com o prefeito Bugalho e o deputado Ed Thomas, convidados pelo senador Olímpio, formalizar o apoio e reivindicar uma posição final, qual seja: que a Receita fica em Prudente”.

Duran esclareceu que esse assunto da Receita Federal também esteve na pauta da primeira reunião da nova diretoria da UNIPONTAL, realizada em Presidente Venceslau, dia 24 de maio. Os presentes no encontro, como o deputado estadual Ed Thomas, prefeito Nelson Bugalho e representantes da UEPP (União das Entidades de Presidente Prudente), pediram a intermediação do senador, que já está dando resposta com essa reunião agendada para esta segunda-feira (3).